Portal do Governo Brasileiro
2012 - Livro Vermelho 2013

Minaria magisteriana (Rapini) T.U.P.Konno & Rapini EN

Informações da avaliação de risco de extinção


Data: 10-05-2012

Criterio: B1ab(iii)+2ab(iii)

Avaliador:

Revisor: Tainan Messina

Analista(s) de Dados: CNCFlora

Analista(s) SIG: Marcelo

Especialista(s):


Justificativa

Espécie subarbustiva, cespitosa, rara, ocorrendo na Serra do Cipó, no Estado de Minas Gerais. Tem distribuição restrita, EOO de 81,99 km² e AOO de 16 km². Está sujeita a duas situações de ameaça, referentes aos municípios de Santanado Riacho e Santana de Pirapama. É ameaçada pela perda da qualidade do habitat em decorrência do aumento da frequência e intensidade de incêndios.

Taxonomia atual

Atenção: as informações de taxonomia atuais podem ser diferentes das da data da avaliação.

Nome válido: Minaria magisteriana (Rapini) T.U.P.Konno & Rapini;

Família: Apocynaceae

Sinônimos:

  • > Ditassa magisteriana ;

Mapa de ocorrência

- Ver metodologia

Informações sobre a espécie


Notas Taxonômicas

Subarbusto rupícola, cespitoso, escabro. Folhas lineares a suboblongas, patentes. Flores com corola alva, solitárias (Rapini et al., 2009).

Distribuição

Minas Gerais (Koch; Rapini, 2011). Planta rara, coletada pela primeira vez em 1998, é conhecida apenas de duas localidades, nos campos rupestres da Serra do Cipó. (Rapini et al., 2009).

Ecologia

Subarbusto 30-50 cm alt. (Konno, 2005),rupícola, cespitoso, nos campos rupestres da Serra do Cipó (Rapini et al., 2009).

Ameaças

1.4.2 Human settlement
Severidade high
Detalhes A grande quantidade de áreas pouco alteradas aolongo de todo o corredor da Cadeia do Espinhaço e o recente reconhecimento desua importância com a criação da Reserva da Biosfera do Espinhaço apontam paraa necessidade de se atuar com rigor na ordenação da ocupação do solo em todoeste corredor, sobretudo controlando a especulação imobiliária e o turismodesordenado e o desmatamento para carvoaria e, em certas áreas, a mineração(Madeira; Ribeiro, 2009).

1.4.3 Tourism/recreation
Severidade medium
Detalhes Por sua expressiva beleza cênica e atrativosnaturais, a região da Cadeia do Espinhaço vêm se constituindo num alvo demudanças socioespaciais ocasionadas pelo afluxo cada vez maior de visitantes eturistas, além da crescente ocupação caracterizada pelas segundas residênciasde lazer. Tal fluxo turístico e ocupação exógena adquiriu expressão a partir dofinal dos anos sessenta e vem aumentando significativamente nos dias atuais(Oliveira, 2002).

Ações de conservação

1.2.2.2 National level
Situação: on going
Observações: Considerada "Deficiente de dados" (DD) pela Lista vermelha da flora do Brasil (MMA, 2008), anexo 2.

Referências

- KOCH, I.; RAPINI, A. Apocynaceae in Lista de Espécies da Flora do Brasil, Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Disponivel em: <http://floradobrasil.jbrj.gov.br/2011/FB004714>.

- RAPINI, A.; SILVA, R.F. DE S.; SAMPAIO, L.N.P.GIULIETTI, A. M.; RAPINI, A.; ANDRADE, M. J. G. DE; QUEIROZ, L. P. DE; SILVA, J. M. C. DA. Apocynaceae. Belo Horizonte, MG: Conservaçao Internacional; Univesidade Estadual de Feira de Santana, 2009.

- OLIVEIRA, H.G.MURTA, S.M.; ALBANO, C. Construindo com a paisagem: um projeto para a Serra do Cipó. Belo Horizonte, MG: UFMG, Território Brasilis, 2002.

- MADEIRA, J. A.; RIBEIRO, K. T. PLANO DE MANEJO DO PARQUE NACIONAL DA SERRA DO CIPÓ E ÁREA DE PROTEÇÃO AMBIENTAL MORRO DA PEDREIRA, Brasília, DF, p.1-92, 2009.

- KONNO, T. U. P. Sistemática e Filogenia do Gênero Minaria T.U.P.Konno & Rapini (Apocynaceae - Asclepiadoideae). Tese de Doutorado. São Paulo, SP: Universidade de São Paulo, 2005.

- MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE. Instrução Normativa n. 6, de 23 de setembro de 2008. Espécies da flora brasileira ameaçadas de extinção e com deficiência de dados, Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Poder Executivo, Brasília, DF, 24 set. 2008. Seção 1, p.75-83, 2008.

Como citar

CNCFlora. Minaria magisteriana in Lista Vermelha da flora brasileira versão 2012.2 Centro Nacional de Conservação da Flora. Disponível em <http://cncflora.jbrj.gov.br/portal/pt-br/profile/Minaria magisteriana>. Acesso em .


Última edição por CNCFlora em 10/05/2012 - 16:34:55